Ao Vivo

Acessar

Ao Vivo

Ouça nossas rádios

SCALA FM

Santo André é a melhor cidade para empreender no ABC
Cidade ocupa o 12º lugar no país e quarto lugar no Estado, em ranking divulgado pela Enap e Endeavor


Foto: www.bristolhoteis.com.br/

Santo André é a melhor cidade para empreender no ABC, segundo Índice de Cidades Empreendedoras (ICE) divulgado nesta quarta-feira (16). No levantamento, realizado pela Escola Nacional de Administração Pública (Enap), em parceria com a organização sem fins lucrativos Endeavor, Santo André ocupa a 12º posição no ranking nacional.

No recorte que leva em consideração apenas o Estado de São Paulo, Santo André fica em quarto lugar entre as melhores cidades empreendedoras, ficando atrás apenas de Osasco, São José dos Campos e da capital São Paulo, que ocupa o primeiro lugar no ranking nacional geral.

"Santo André tem realizado, desde o início desta gestão, um trabalho focado na criação de um ambiente positivo para os novos negócios e o desenvolvimento dos empreendedores que já atuam na cidade. Este ranking reflete o resultado deste empenho que passa por ações como a desburocratização, a simplificação de processos, apoio ao empreendedor e incentivo tributário", comemorou o prefeito Paulo Serra, durante a ação do Circuito Andreense de Empreendedorismo realizada nesta quarta-feira na Praça Lisboa, na Vila Palmares.

O prefeito acrescentou que o resultado demonstra a recuperação da credibilidade da cidade, bem como o sucesso de uma equipe empenhada em auxiliar o desenvolvimento e o crescimento do empreendedor.

"A gente começou a implementar estas ações em 2017, com a ideia de facilitar a vida do empreendedor. Hoje pegamos os empreendedores pela mão, oferecendo ao pequeno empresário dos bairros e também ao grande empresário, como a Coca-cola Femsa e a Rede D'Or , todo o apoio e o incentivo necessário para que tenham sucesso em Santo André", acrescentou.

O secretário de Desenvolvimento e Geração de Emprego, Evandro Banzato, reforçou que o resultado atesta o êxito dos três pilares do desenvolvimento econômico que estão sendo adotados pela gestão e estão transformando, positivamente, a realidade de Santo André e do ABC. São a melhora do ambiente de negócios, a melhoria da competitividade das empresas e o fomento à qualificação e à cultura empreendedora.

"O Circuito Andreense de Empreendedorismo é um grande exemplo de ação realizada pelo município para auxiliar o empreendedor no desenvolvimento de seus negócios. Com atividades como esta levamos aos microempresários dos bairros informação e consultoria gratuita para que possa crescer e se fortalecer", disse Banzato.

Circuito Andreense de Empreendedorismo - As ações ao ar livre do programa, como a realizada nesta quarta na Vila Palmares, contam com estandes da Sala do Empreendedor, com informações sobre a regularização de seus negócios, do Banco do Povo, para tirar dúvidas sobre acesso a crédito, da Escola de Ouro Andreense, para saber as opções de cursos de capacitação, e do CPETR (Centro Público de Emprego Trabalho e Renda), para cadastramento de currículos para quem quer encontrar uma colocação no mercado de trabalho.

Além disso, o Circuito Andreense de Empreendedorismo conta com estandes dos parceiros da Prefeitura nesta iniciativa, que são o Sebrae, que participa com sua unidade móvel, a Acisa (Associação Comercial e Industrial de Santo André) e a AGG Fiscal, com informações sobre questões fiscais.

O Circuito Andreense de Empreendedorismo é uma iniciativa da Secretaria de Desenvolvimento e Geração de Emprego e da Escola de Ouro Andreense. Foi criado em 2018 para descentralizar a oferta de qualificação empreendedora. Além das ações itinerantes nos bairros, o programa realiza também palestras mensais em espaços da educação espalhados pela cidade, além de palestras online. A programação completa do Circuito Andreense para este ano está disponível no link bit.ly/Circuito2022

 




VEJA TAMBÉM



SCALA FM  |   29/03/2022 06h33